Talento Sênior

Growth Hacking: como vender mais com estratégias, experimentos e tecnologias

Tempo de leitura: 2 minutos

Compartilhe este post!

A transformação digital tem impactado fortemente todos os segmentos da economia. E essa mudança pode trazer excelentes oportunidades de ampliação de vendas, com mais estratégias e tecnologias, mas também apresenta muitos desafios. A boa notícia é que dá para crescer ainda mais, de uma forma previsível e controlada, com as ferramentas e ações certas.

Como especialista em Growth Hacking, todos os dias ajudo empresas a crescerem mais, a partir de sua própria estrutura, aproveitando as oportunidades de melhoria na performance e em resultados chaves. Tudo isso baseado em um sistema de trabalho, que funciona em qualquer setor, pois é baseado em experimentos, acompanhamento de resultados e ciclos de melhoria incremental. Essa combinação de estratégias, tecnologias e uso de dados tem conquistado positivos resultados em empresas fora do Brasil e no nosso país também.

O crescimento acelerado não é mais uma escolha neste processo de transformação digital, mas é a única forma de manter a sustentabilidade do negócio, neste novo ambiente virtual em que vivemos, extremamente impactado pelas rápidas mudanças no comportamento dos consumidores nos últimos anos, especialmente a partir do início da pandemia.

Por meio das estratégias de Growth Hacking é possível ter experimentos que apontem para novas formas de se comunicar com os clientes, ampliar a percepção em relação aos diferenciais da empresa e explorar novos canais de venda, além de parcerias de negócios.

Cada mudança na compra permite explorar possibilidades de melhoria de resultados, fazer ajustes e escalar para ter mais performance nos ambientes digitais e físicos. Nesse novo mundo VUCA -volátil, incerto, complexo e ambíguo-, nada mais será como antes. E o trabalho de Growth ajuda muito neste contexto.

Esses novos tempos exigem olhar para as experiências do passado e para as tendências, para criar cenários e começar a trabalhar em projetos ágeis para gerar mais resultados. Sabemos, por exemplo, que a experiência omnichannel é uma exigência dos clientes no mundo todo e não será diferente aqui. Não vai dar para ficar de fora. Então, que tal sair na frente e ter os melhores resultados?

Soluções prontas não são garantia de sucesso. É fundamental conhecer a persona, o público da empresa, para construir a experiência omnichannel para esta pessoa. Mas precisamos correr, pois enquanto o mundo olha para a personalização e a questão omnichannel, ainda vemos problemas estruturais em vários e-commerces, por exemplo.

Outro ponto que merece atenção é a fidelização dos clientes, desde o momento em que são impactados pela marca, passando pelo PDV, pelo site e, principalmente, depois da compra, na área de atendimento ao cliente.

Redes sociais, site, e-commerce, whatsapp, e-mail, PDV, programas de fidelidade, atendimento ao cliente, rede de afiliados, eventos, cartão, ações promocionais e programas de responsabilidade social, além de iniciativas ambientais, estão entre alguns dos pontos que trazem oportunidade de melhoria diária, dentro de projetos de growth hacking, tudo aliado ao uso de tecnologias, que podem ser simples, como as ferramentas de Power BI e até o Google Data Studio. Novos experimentos e a análise estratégica dos dados é vital para crescer.

E esse é um bom caminho para tudo o que está por vir de forma mais intensificada em breve, como o uso de recursos de inteligência artificial, por exemplo. E as empresas devem aproveitar todas as oportunidades para crescer, até aquelas que podem estar invisíveis no negócio.

Mônica Lobenschuss é especialista em Vendas Digitais, Growth Hacking e uso de dados/Business Intelligence para ajudar empresas a crescerem. É empresária há mais de 20 anos, fundadora da consultoria e empresa de treinamentos Vendas Exponenciais e coordenadora do MBA de Business Strategy & Transformation da FIAP.

Mônica Lobenschuss
Sócia Fundadora |

Você sabia que o sucesso de sua empresa familiar está diretamente ligado à força de seus colaboradores? Por isso, se há dificuldades …

Você sabia que a má gestão financeira é uma das principais causas de falência das pequenas empresas? Segundo um relatório da consultoria …

Deixe um comentário

NEWSLETTER

Assine nossa news e receba conteúdos exclusivos,
tudo em primeira mão.

Assine agora!

Você sabia que o sucesso de sua empresa familiar está diretamente ligado à força de seus colaboradores? Por isso, se há dificuldades …

Você sabia que a má gestão financeira é uma das principais causas de falência das pequenas empresas? Segundo um relatório da consultoria …

“Os 60 de hoje são os 40 anos de ontem.” Cada vez mais é comum ouvir essa frase nos dias de hoje. …